SP (11) 2199-5800 – RJ (21) 3553-3962

estatégia de negócios

Tecnocomp define novo portfólio com foco em verticais

Tecnocomp define novo portfólio com foco em verticais

Tecnocomp define novo portfólio com foco em verticais

Soluções completas de Datacenter, Infraestrutura, Service Desk e Full Outsourcing definem ofertas para atender Saúde, Varejo, Portos & Aeroportos, entre outros setores crescentes do mercado.

A provedora de Soluções e Serviços de TI Tecnocomp acaba de definir um novo portfólio de ofertas, com soluções tecnológicas completas e serviços orientados para setores estratégicos. Novos itens para Mobilidade (MDM), Cloud Computing e Consultoria integram uma lista de recursos para Datacenter, Infraestrutura, Service Desk e Full Outsourcing.

Atendendo os mercados de Enterprise e Governo, com 85% e 15% da carteira respectivamente, há cerca de um ano a empresa adotou a política comercial de atuação por verticais, entendendo ser este modelo o mais eficaz para a atual demanda das organizações.

“Definimos atuar sob a ótica de um Mapa de Valores por Vertical. Isso facilita a operação, já que as empresas de um mesmo setor têm necessidades semelhantes, permitindo nos concentrarmos na otimização dos fatores individuais de cada projeto”, diz Ricardo Perdigão, diretor comercial da empresa.

Segundo Perdigão, o novo portfólio da Tecnocomp utiliza um mix de recursos:  tecnologias de fabricantes inovadores com os quais a empresa mantém estreita relação e equipes preparadas para entender o negócio do cliente, propondo as soluções mais adequadas para as suas necessidades de estruturação e crescimento, bem como capazes de implementar e dar sustentação nos projetos desenvolvidos.

Setores Favorecidos – De acordo com o diretor comercial da Tecnocomp, independente da atual conjuntura político-econômica nacional, há determinados segmentos do mercado que demandam investimentos em TIC. “O setor de Portos & Aeroportos é um exemplo, com diversos projetos parados que precisam seguir a diante. Somente a concessão para a privatização de aeroportos, iniciada em 2012, deve atingir neste ano outros 270 aeroportos regionais, abrindo novas frentes de negócios”, observa Ricardo Perdigão.

A Tecnocomp sustenta também a sua aposta na Saúde, setor em que tem assumido importantes projetos.  O mais recente, o Hospital das Américas, novo complexo da Amil no Rio de Janeiro, rendeu-lhe inclusive o Prêmio Furukawa – Vertical Saúde em 2014.  “Temos diversos clientes nesta área, que cada vez mais precisa de modernização. E por tratar-se de um segmento crítico requer experiência na forma de se tratar a concepção do projeto, a escolha de materiais, a arquitetura dos sistemas adotados e uma série de outros fatores importantes para a longevidade e confiabilidade dos sistemas”, conclui Perdigão.

Outros setores que estão no topo de prioridades da Tecnocomp neste ano de 2015 são Varejo e Logística.